sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Pesquisa Acadêmica com PostgreSQL

Chegou às minhas mãos um ótimo artigo relacionado com o PostgreSQL. Os pesquisadores Marcos Antonio Vaz Salles e Sergio Lifschitz estão trabalhando em configuração e otimização autônoma de banco de dados, entre outras áreas e este é apenas mais um dos trabalhos do grupo que envolve ainda outros pesquisadores (site do grupo de pesquisa).

O título, resumo, abstract e o e-mail dos autores se encontram abaixo.

Caso saibam de mais equipes de pesquisadores que trabalhem com PostgreSQL, e de bons artigos que possam ser divulgados, favor indicar!!!

Espera-se que a comunidade de desenvolvimento busque um contato maior com a academia, pois estes trabalhos poderiam ser incorporados ao PostgreSQL, mas por não serem conhecidos, ficam restritos à comunidade universitária.

Peço aos desenvolvedores brasileiros do PostgreSQL que entrem em contato, pois é uma forma de se incorporar a qualidade acadêmica brasileira no banco de dados que todos utilizamos.

Os autores que autorizaram este post salientaram que tudo o que é produzido é aberto, então vamos a eles!


==================================

Um Agente de Software para Criacão de Índices no PostgreSQL

Marcos Antonio Vaz Salles, Sergio Lifschitz

Departamento de Informática–Pontíficia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)

- sergio@inf.puc-rio.br
- Marcos Salles site pessoal com artigos e outras informações

Abstract. This paper briefly describes a prototype developed as part of a Masters thesis focused on autonomic index creation for database systems. The system is composed of a software agent that collects SQL commands submitted to the DBMS, analyzes which indexes are appropriate for those commands and automatically creates them. The analysis process uses server extensions that enable the creation of hypothetical indexes. The agent’s implementation was
done in C++ and integrated in the open source DBMS PostgreSQL. The server extensions made in PostgreSQL to simulate hypothetical index configurations were coded in C.

Resumo. Este artigo descreve brevemente um prototipo desenvolvido como parte de uma dissertação de mestrado focada na criação autônoma de índices em sistemas de bancos de dados. O sistema e composto de um agente de software que coleta comandos SQL processados pelo SGBD, analisa quais índices seriam adequados para estes comandos e os cria automaticamente. O processo de análise se utiliza de extensões codificadas no servidor para a criação de índices hipotéticos. A implementacão do agente foi realizada em C++ e integrada no SGBD de codigo fonte aberto PostgreSQL. As extensões feitas no PostgreSQL para simulação de configurações hipotéticas de índices foram escritas em C.

Um comentário:

Claudio disse...

Eu sou um desenvolvedor de sistemas voltados pra web, residente em Teresina e admiro bastante o pensamento de software livre. O efetivo uso de softwares dessa categoria permite que instituições e empresas com poucos recursos possam utilizar ferramentas que satisfaçam suas necessidades. Assim, digo que o PostgreSQL é bem recebido em órgãos do governo aqui do Piauí. Por exemplo, o sistema de orçamento e o PPA do Estado armazena seus dados numa base PostgreSQL.